Thursday, September 14, 2006

 

GCcC in motion... antes de ser necessário


THE BUROCRAT
Periódico semanal informativo dos últimos grandes acontecimentos burocráticos


1ª Página

Camaradas votam aprovação de Camaradas Funcionários.
Crianças iletradas fazem uso perigoso de teclado de computador.
Camões resuscita, lê comments de Kamarada no blog O Partido com final tristemente inesperado.

Também nesta edição: Agenda Cultural com top 5 de livros mais lidos por burocratas convictos.
Notas do Redactor.



Encerram mesas de voto com aprovação de Camaradas Funcionários.

Encerraram ontem as mesas de voto que têm estado abertas desde o passado dia 3 de Setembro para a votação dos Camaradas Funcionários. Para todos os que andaram perdidos em bairros de prostituição de uma das Coreias ou por fiordes escandinavos sem transportes de ligação com a civilização, é de imediato explicado o que levou O Partido a 'criar' (entre aspas porque camaradas não se criam, nascem camaradas e encontram-se nos meandros da vida, pois a burocracia é uma característica genética e não uma opção política) estes novos utilíssimos Camaradas.
Há uns tempos O Partido, não por engano mas para confirmar uma tese muito antiga que diz que indivíduos com nome começado por E e acabado em GAY não podem ser boa gente, alistou um bobo de uma corte monárquica, que pelo o grau de mediatismo e disparate só pode ser a corte do Mónaco, na camaradagem burocrática. O bobo queria ser rei, mas rei rima gay, rima com dei, não rima com Secretário Geral d'O Partido e muito menos com Pequenito Balariu e, assim que a tese foi provada, o rei foi nu e ridicularizado de volta para a sua cortezinha de terceira. Mas ele não gostou e criou um exército de ignorantes, analfabetos e ridículos para lutarem contra a Burocracia.

Como todos já sabem, da última notícia que esta redacção partilhou convosco, a Burocracia não se fica nem se deixa intimidar por 'gentinha' e desta forma, foram requesitados de Campos de treinos longíquos algures entre o Tibete e o Culo de Judas Camaradas especializados nas lides negras da monarquia.

Foi ontem Camaradas que tudo foi decidido, estando já hoje entre nós a digníssima Camarada Lentes de Contacto, treinada nos bairros da má vida Parisiense entre os melhores espiões da Burocracia Internacional. Espera-se que até ao final desta edição cheguem os restantes Camaradas funcionários d'O Partido para levarem a bom porto a violenta guerra que se avizinha.


K-a-marada ou K-a-iletrada?

Ao pensarmos que os inimigos não poderiam descer mais baixo, encontramos um caso que não sabemos ser digno de ataque ou de assistência social. Kikas, que antes de lhe roubarem o passaporte era conhecida por todos por Quicas, diminutivo comum de Catarina, Francisca ou até mesmo Joaquina, todos nomes comuns na geração à qual Kikas pertence. Aparentemente Kikas após o trauma do rapto, começou a sofrer de um grave síndrome de dislexia muito comum entre aqueles que se aproximam de Cebola Day, quer real quer metaforicamente, Kikas, que havera crescido saudável entre uma família respeitada, nunca recuperou do choque que sofrera em criança, e hoje, já uma mulherzinha continua a trocar inconscientemente o sons Q por K.

Eu sei que é uma história muito triste, capaz de comover a pedra mais insensível que se encontra na Calçada de São Bento, mas ainda assim, não se deixem iludir pelo seu bom tom e simpatia, esta criança pode vir a ser um perigo incalculável ao bem estar ortográfico deste espaço, eu diria, bem pior que o Camarada Atumigreijamaná que eu tanto admiro burocraticamente e que tanto contesto a nível ortográfico, mas é um contestar respeitoso. Espero que me compreendam.

Camões resuscita de manhã e arrepende-se à noite.

O grande poeta Luís de Camões, conhecido pela grande obra os Lusíadas, apesar de haver teorias que revelam que não foi bem assim, numa manhã aparentemente igual às outras, esperguiçou-se no seu túmulo nos Gerónimos e ao esticar a ossada pensou para si mesmo, bem se já estiquei o pernil, vou a aproveitar e esticar a perna.

Nisto sai da capela principal dos Gerónimos e ao olhar para a sua direita vê um edifício que o confundiu um pouco. Camões sentiu-se estranhamente no deserto e pela primeira vez achou que tinha morrido, na sua primeira morte, bem perto de um palácio faraó, apesar de não conseguir associar a sua fatiota estranhamente renascentista à época que se apresentava aos seus olhos. No momento seguinte Camões desenganou-se ao sentir um pombo Kamikaze aterra-lhe na testa reconhecendo este género de comportamento como típico Lisboeta.

Camões estava feliz com o seu regresso. As pessoas sorriam-lhe na rua, algumas gargalhavam e apontavam, e Camões não percebia o porquê porque estava no seu melhor traje, um pouco empoeirado admitia, mas contudo bastante elegante. Camões aproximou-se do tal edifício que o havera confundido e à entrada leu Centro Cultural de Belém. Mais uma vez ficou confuso porque também não se lembrava de ter morrido no Médio Oriente, apesar de reconhecer que cheirava muito a especiarias. Deu dois passos e mais uma vez desenganou-se quando sujou o colant branco ao pisar uma poia que ali se encontrava no meio da passagem, mais uma vez de um 'Lisboismo' inigualável.

Camões seguiu o seu caminho feliz por se saber em casa e, por ser um homem muito à frente no seu tempo, rejubilou ao visionar um computador com ligação à internet wireless no café do CCB. Camões entrou e foi navegar na net, enquanto gritava em plenos pulmões no meio da sala de chá do CCB -"Navegar é preciso!!" e todos o aplaudiam comentando entre dentes, que bela representação. Assim que se ligou à net, Camões abriu o google e querendo escrever Marco enganou-se e escreveu Markl, carregou no enter e reparou que a primeira página que apareceu foi o noss'O Partido. Não se admirai camaradas, já haveram sido avisados do perigo que há no uso constante dessa palavra. Camões não acreditava no que os seus olhos viam... -"Estes jovens!!!" - exclamava - "Que uso esplêndido da língua." O que Camões não esperava era ler os Komments da Kamarada. Camões chorava, não podia ser... do digno ao voraz, ao destruidor. Camões não cabia no seu desgosto e arrancou o único olho que lhe restava, ele recusava-se a voltar a ler aquilo. Estava destroçado. Queria regressar ao seu túmulo, no mosteiro, onde foi feliz por centenas de anos. Camões saiu do CCB com muita dificuldade e uma vez lá fora enganou-se virando à direita.

Apesar de ser um homem à frente no seu tempo, Camões nunca ouviu falar do motor. Camões apercebeu-se tarde que estava no meio da marginal e foi passado por uma roda de camião. Dois dias depois o corpo foi reconhecido no Instituto de Medicina Legal e devolvido ao seu túmulo nos Gerónimos. Eu disse-vos que pôr o teclado nas mãos daquela criança podia vir a ser trágico. Nunca calculei que fosse tanto. The Burocrat faz um minuto de silêncio em honra do grande poeta.

Agenda Cultural

É com grande alegria que o vosso periódico vos informa das novas publicações do ABC da Burocracia,

RIS "O camarada e camarada e nem sabe disso" - "Panthro"
RIS "70 x queque" - "A meretriz simplexificada I"
RIS "Quem e a burocracia mais linda, quem e?" - "No cinema"

Poderia dizer-vos do que trata mas seria muito pouco burocrático da minha parte. Camarada mas posso garantir que vindo da RIS só pode ser supimpa. Todos os camaradas têm o dever que ir, ler e comentar. Todos juntos à reeducação.

TOP 5 de grandes livros burocráticos ou grandes demais para serem lidos.

Mao a história desconhecida (prémio dado pelo segundo caso)
A Bíblia (prémio dado pelo primeiro)
Jornal Expresso (antiga edição) (prémio dado por ambos)
pMpC (I Capítulo) Camaradagem na Porcalhota (sem necessidade de explicar do que se trata)
pMpC (II Capítulo) Camaradagem Envenenada


Notas de Redacção


Isto é maquete, não é real, tendo que ser aprovado pelo Secretariado.

Esta maquete pretende mostrar umas das muitas ideias que se passam na cabeça do GCcC e também aliciar novos jornalistas. Acho ser muito preciso um/a comentador desportivo, um/a reporter criminal e um/a astrólogo/a, cartomante ou um medium semelhante.

Não existem fotografias nesta primeira edição por ser maquete e não ter sido ainda aprovado. Acho que, se for aprovado, The Burocrat, deveria ser formato Blog para não atafulhar os arquivos burocráticos.

No segundo parágrafo do artigo sobre Camões, a jornalista refere-se aos olhos de Camões, sendo então aqui apresentado um pedido de desculpas por parte do chefe de redacção, pela gafe daquela ignorante, dado que todos sabemos que Camões, só tem um olho, ou pelo menos, segundo os últimos acontecimentos, tinha. Não contente a abécula repetiu o erro no 4º parágrafo e possivelmente não ficou por aqui. Apesar de se ter redimido quando o deixou cego.


Comments:
Camarada,

Essa parte final tem uma letra muito pequena. Sugiro que a aumente.
 
Camarada Pala Pala sugiro que proceda à execução de uma 2a via do post "GCcC in motion... antes de ser necessário", desta feita utilizando caracteres visíveis a olho nu. Para uma clara leitura do mesmo.
 
Caros membos d'O Partido

Em primeiro lugar gostaria de vos dar os parabéns pela ideia arrojada e corajosa de lançar um blog dedicado a esta importante temática. Os tempos modernos e o concomitante progresso tecnológico têm-nos vindo a presentear com uma infindável variedade de fenómenos que, embora outrora estranhos ao Homem, não deixam de ter o seu espaço e indubitavel interesse.
A linguagem, forma revolucionária de comunicação que acabou por nos tornar na mais populosa espécie de símios, julga-se ter surgido motivada precisamente pela necessidade de transmitir aos outros aquilo que de outra forma não era possível. Nos dias presentes, com o aparecimento tanto da internet como as SMS surge uma nova utilidade para a linguagem: "a transmissão do nada" - algo que os nossos antepassados apenas conseguiam recorrendo ao já ultrapassado "ficar calado".
Neste momento sinto impor-se um pedido de desculpas precisamente por ter fugido à temática do blog.
Um grande bem-haja a todos vós, modernos practicantes da arte de Onã, que a cauda para sempre se agite à frente do nariz e pernas ágeis atrás dela vos conduzam
 
Exma. Camarada Pala Pala, permita-me um momento de redenção por não o ter feito mais cedo mas gostaria de salientar o seu desempenho em prol d'O Partido que se pode definir simplesmente como excelente... Aspiro a que possa manter o nivel demonstrado até ao momento porque é uma mais valia para o mesmo. Um Bem haja.
 
Bem clister nem a comunicação nem o onanismo são exclusivos da nossa espécie e muito menos exclusivo do Partido.

Agradece-se no entanto a sua participação. Não leve a mal que depois o aparato militar lhe caia em cima. Leve tudo com educação e leve ironia como até agora. Seja um gentleman e tome um chá enquanto as bombas caem.
 
oix camaradas!

nao precebo pk é k a pala pala m trata tao mal...eu adoro do vosso blog!!!

fico tristinha... :-(

ja sei k ela n deve deixar mas tb gostava d ser "camarada"...

bem mudando de assunto k'este ja m ta a pôr triste...

gostei imenso das respostas k o Pequenito (GRANDE!!!) Balariu deu akele comuna ordinario e chato do Leon :p

Acho-te extremamente inteligente culto e divertido!!!

VIVA O BALARIUUUUUUU!!!!!!!!!!

jokinhas pa todos!!!
até pa pala pala

:-)
 
pala pala refugiou-se no campo . stop . pala pala promete refazer último post com letras grandinhas quando voltar do campo . stop .
no campo não há internet - stop .
 
Curioso, a pobre interpretação que fez da minha intervenção veio dar-nos mais um exemplo de "linguagem sem comunicação". Peço-lhe que em vez de estar apenas à espera da sua vez de falar perca algum tempo a tentar perceber o que os outros lhe dizem.
A acusação que, de forma incompreensível, me faz é-lhe(s) dirigida na minha intervenção de forma bastante clara. Sugiro que pare de correr atras da cauda e comece a comunicar. Tome um champanhe se preferir,já vi que e apreciador.

P.S: O onanismo a que me refiro (i.e. masturbação mental) É exclusivo do Homem e uma característica fundamental dos membros d'O Partido.
 
Realmente o nome fica-lhe mesmo bem. Também Jesus teve problemas de conpreensão e adivinho que alguém com um belo clister enfiado pelo cu acima não pare de pensar em masturbação.

Peço-lhe no entanto para pensar nas suas afirmações. Será possivel algum ser produzir um acto sem existir impulsos electromagnéticos que se materializem em interacções quimicas que o levem a cometer o acto. Bem Clister na neurologia moderna isso que eu descrevi é a base do que nós chamamos pensamento, assim julgo que acabou de cometer um insulto contra todos os animaizinhos que conseguem obter satisfação sexual individualmente.

Sim Clister, eles também de alguma forma deverão pensar na coisa antes de a executarem. Talvez não seja exactamente da forma que voçê consegue racionalizar mas é justo afirmar que antes do acto fisico existe sempre um acto mental, ou julga que com os bichitos isso acontece e pronto. Ainda anda a vender a tese que ha uns que são racionais e outros que são irracionais. O mundo divide-se no preto e no branco e tudo o resto no meio é para o caixote do lixo. A biologia moderna que estuda esses fenomenos é toda uma aldrabice neo-liberal e provavelmente anti-comunista.

Não clister não temos a exclusividade disso. Se tivessemos já a tinhamos patenteado e feito um balurdio com ela.
 
Se quer levar a discussao para esse nível nao conte comigo, pode continuar a falar sozinho.
Dou-lhe credito suficiente para perceber que nao estava a discutir a capacidade de raciocinio dos bichinhos e reclamar exclusividade para o ser humano mas sim a reclamar exclusividade para a dissertaçao sobre o nada que o senhor tao bem fazer.
Nao quis politizar as minhas intervençoes pois entendi ser essa a postura do blog, principalmente pelas suas intervençoes de apartidario partidario do anti-comunismo e nao sera agora que o vou fazer, donde, deixarei este ponto sem resposta.
Tenho pena que para discutir, mesmo o nada, precise de por o cu ao barulho, nao costumo ostracizar paneleiros mas no seu caso vou abrir uma excepçao.
 
Oh clister ficou chateadito. Não há direito. Uma pessoa só faz insinuações de cariz sexual sobre outras e depois somos logo vitimas de trocadilhos do mesmo teor. Balariu é mesmo mau. Os clisters não se enfiam pelo cu acima. Isso são tudo conjecturas e politizações de apartidários partidários do anti-comunismo e neo-liberalismo.

Não gosto nada dos meninos que respondem a letra.Oh tadito do clister. Ha meninos feios no recreio!!!! Não há direito.
 
O senhor jesusclister devia entender que reaccoes sao normais. Quanto mais quanto a provocacao. Aponta-nos a "transmissao do nada", suas palavras, e "masturbacao mental". O insulto nao precisa de ser basico e pode vir numa forma mais literaria. Nao deixo de o considerar demasiado ironico e de intencoes escondidas. Se quer reconhecimento seja mais claro e com menos segundas intencoes. Se acha que o OP e apenas a transmissao do nada digo-lhe, como fiz a todos os outros, que so nao le verdadeiramente quem nao sabe chegar ao entendimento que esta aqui presente. E quem se esta a ostracizar e voce com essa atitude de vitimacao que tambem ja nos e familiar por aqui. Ninguem gosta de vitimas nem de marias do cu triste. Aprenda que la por ser jesus nao quer dizer que o seu clister seja melhor do que o do seu vizinho. Se ainda nao percebeu que o nada aqui e tudo e, nao quer "por o cu ao barulho", nao o ponha de fora a apanhar ar.
 
Caro Clister,
é engraçado que se ofenda com a resposta do nosso querido líder. Quando alguém se chama a si mesmo clister e gasta 1120 caracteres a não dizer nada, a não ser falar nos praticantes da arte de Onã (ainda por cima mal escrito), não se ofenda por alguém lhe falar em rabos.
Outra coisa que acho engraçado é que se o perturba tanto que a gente aqui fale do nada, tem bom remédio. Ninguém o obriga a cá vir aumentar a nossa lista de visitantes. A não ser que esteja a fazer um favor, que desde já adivinho penoso, a alguma coelha engraçada que a coberto do anonimato se diverte a continuar uma guerra que alegou querer terminar. Se for assim, aconselho-o a dar uma vista de olhos pelos nossos arquivos e até pode descobrir que aqui se discute muita coisa, e algumas bem divertidas. Se não partilha desta opinião, sugiro-lhe que procure um blog mais de acordo com o seu gosto. Felizmente a blogosfera é democrática e tem variedade (o que deve chatear alguns comunistas anti-progresso) e pode-se entreter com muito mais coisas do que com o clister e a mãozinha...
 
Post a Comment



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?