Monday, October 02, 2006

 

A CRIP determina

A CRIP veio analisar as respostas (ou inexistencia destas) quando ao pedido de esclarecimento quanto as faccoes do OP. Num primeiro momento, e quanto a faccao Quasi-monarquica, torna-se claro que perante a inexistencia de qualquer explicacao e pelo facto do camarada desta representante se encontrar semi-estraviado (Camarada Sai Baba), esta dever-se-a considerar em suspenso assim que o processo seja levado a cabo por quem de direito. Tendo em conta que o camarada nem sequer o tem presente na sua nomenclatura julgo que se trata de uma decisao simples levando a permanencia da aparencia das coisas como estao, mas claramente declarando a inexistencia desta em relacao ao OP.

No que cabe a F.I.B.R.A. e ao B.A.T.I.D.O. a solucao tera de ser diferente. No caso da primeira, estara em melhor situacao sendo que foi a unica faccao que apresentou aqui algum tipo de esclarecimento. Quanto ao B.A.T.I.D.O., reafirma-se novamente a necessidade de explicacao sob pena de esta ser desconsiderada como faccao e ter de levar a sua eliminacao da nomenclatura (caro camarada Tze-Tze), sob pena de levar aos tramites normais de procedimento (processo de nomenclatura).

No que se refere a F.I.B.R.A., chamo atencao ao camarada As sopro que deve dar um pouco mais de "sumo" a CRIP pois o seu documento de explicacao acabou por ser um pouco inocuo e insalubre. Sendo assim, apesar de este ter vindo mostrar o seu peixe, deve chega-lo um pouco mais perto para a CRIP poder observar o que este traz no dente. Peco-lhe entao paciencia e que entregue aqui no OP nova explicacao um pouco mais clara dos principios da F.I.B.R.A.

OP em nirvana com cortes de papel novinho!

Comments:
Caro camarada concordo totalmente com a atitude da Crip relativamente a F.I.B.R.A. e comprometo-me em nome da mesma a aprensentar um manifesto mais elaborado sobre os principios que esta facção pretende defender... mas peço alguma paciencia... porque passo a informar ( infelizmente de maneira não oficial, porque o tempo de momento não me permite) que a partir do dia de hoje o Camarada Ás-Sopro faz parte do ja vasto leque de camaradas colocados no estrangeiro e assim até definitiva integração/ estabilização no novo destino terei de alhear-me dos meandros do OP mas assim que puder voltarei ao activo ainda com mais convicção, de modo a não perdermos o tal empenho burocrático que se tem vindo apresentar...

Um Bem haja Camaradas!

Viva o OP!

Viva a Camaradagem!

P.S: Camarada Claude deixo-lhe apenas a sugestão de arquivar de modo oficial o processo denominado "amnistia" que apesar de ter sido arquivado não foi publicado e creio que pode suscitar duvidas, porque o mesmo processo envolvia varios Camaradas e processos individuais que acredito fosse importante esclarecer perante o comite central... a decisão é sua...
Até Breve.

OP! OP! OP!
 
Nao se preocupe camarada que tera o seu tempo. Digo-lhe que o tempo que tiver de sobra, ainda para mais se tiver a companhia de um copo, lapis e folha de papel, pode ser usado para fazer um grande manifesto da sua faccao. Muitos foram os documentos reeducativos que nasceram de modo semelhante. Agora que sera colocado no estrangeiro, pode dizer:

- Ola, eu sou o camarada As sopro.
- Ola (grupo)
- Eu tenho um problema de retencao burocratica.
- Bem vindo ao grupo (grupo).
 
Post a Comment



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?