Tuesday, April 25, 2006

 

Processo Freestyle

Camaradas, Camaradas,

Oiçam os foguetes e deixem de ser tratados como paquetes, hoje é dia de evolução deem vivas à revolução!!! o golpe de estado não pode jamais ser contestado, O Partido está estagnado e Eu não estou enganado!!! Queremos por a papelada a andar mas alguem está a travar... quem mais que os nossos dirigentes que são Indigentes? Revolução é Evolução!!! Se o Rei apela a revolução não pode haver contestação nem certamente discriminação... agarrem-se a papelada instaurem processos kafkianos a todos os camaradas, não sejam perdulários preencham formulários, instaurem processos Freestyle, todos contra todos!!!

Papel , Carimbo ou Processo???

Aberrada situação contudente em relação aos especimens bipedes do bombarral , permite um serviço de entregas e apoio constante cobrindo todo o território nacional.

Eu Enola Rei em nome da revolução proponho um processo kafkiano contra Balariu por ter posto um travão directo no coração d' O Partido, demonstra não gostar de Burocracia e dedica-se apenas à pura Demagogia!

Eu Enola Rei em nome da revolução proponho um processo kafkiano contra Camarada Busilis por ter adormecido em serviço, por não querer reeducar e apenas ignorar!

Viva a Revolução!!! que se aplique processos Freestyle, escolham camaradas e instaurem-lhes processos!!!
A necessidade de concorrer num mercado mundial extremamente avant gard, a visão e a capacidade empreendedora de alguns dos seus festivais dos pequenos cantores, aliada a um espírito associativista invulgar no panorama nacional, permitiram que o sector dos moldes possa dar aso a uma boa escrita, e ao surgimento de novos poetas. Bom seria que este exemplo burocratico pudesse ser replicado em muitos outros sectores de actividade por esse país fora.


A maria acaricia o bidé, a familia tavares vai ao teatro de variedades... o Paulo entala-se, até o filho mais velho da gabriela ja é adventista do sétimo dia... tudo esta de bem em terras santas de belem!!!

Thursday, April 20, 2006

 

Situacão de alto teor burocrático em terras de norte

Camaradas. Há que cantar aos 7 ventos o que foi visto aqui este fim de semana. Foi um passo pequeno para a humaninade mas um passo gigante para o desenvolver da burocracia nos países sujos de inovacão.
Este fim de semana, assim sem mais nem menos, um bartender e um DJ, que nem portugueses eram, mostraram estar no nosso barco, ou barca (depende de qual dos dois ande mais devagar).

Ao pedir um Martini ao balcão, o bartender fez questão de me ir buscar a garrafa à Itália e a azeitona a uma quinta biológica no Alentejo. E não feliz achou que não era bem eu pagar com visa, por isso mandou-me ir levantar dinheiro ao outro lado da estrada, deixando uma fila gigante de gente à espera. Caros camaradas, 1 hora depois e com uma secura desgracada, lá tinha o Martini na mão mas sem gelo porque já tinha derretido. Depois por não conseguir ouvir uma única conversa, um amigo dirigiu-se à mesa do DJ a pedir para baixar o som, ao que o (desculpem, fico emocionada sempre que falo nisto) .... ao que o digníssimo camarada - que merece sem dúvida uma filiacão aquele DJ - respondeu, Sim a música está demasiado alta, mas também não é que estejamos a tentar agradar alguém.

Emocionante camaradas, emocionante. Viva ao OP que não pára de crescer. VIVA.

Tuesday, April 18, 2006

 

Festa ou Sesta???

Meus amigos,

Estará O Partido partido??? Estará alguém ferido ou a sentir-se excluido??? Se ninguém se mexe isto parece uma creche, pois falam de burocracia mas nestas andanças parecem umas crianças...

A Tola do Enola vai averiguar como se pode esta máquina pôr a andar!!!



Perdura a censura
assim não há Estrutura
logo só pode entrar em Ruptura!

Quem Lidera desespera
porque para comandar
há que saber Respeitar
mas também Motivar
senão tudo vai desabar!

Para se ter autoridade sem dificuldade
há que mudar a mentalidade,
pois se sou Burocrata
tenho de ver andar esta Fragata

Neste meu Reino exige-se Fundação
Tem de haver Motivação e Participação
Sem ter de dar azo a coacção
ou chegámos a uma Bifurcação?

Este processo introdutório
já me parece um supositório
e extremamente inglório

Se a estrutura entrou em ruptura
Foi porque o Manifesto se tornou Indigesto
E já entrou numa fase em que o problema vem da base!!!


"Fazei" é a palavra dita por um camarada Independente e deveras Inteligente!!!

Só esta Carola para desvendar a Carambola!!!

Os soldados romanos, por exemplo, banhavam-se em água com tomilho que lhes causava danos cerebrais permanentes nas noites de lua cheia, e na Idade Média, as damas europeias bordavam excelentes temperos para carnes que ofereciam aos seus cavaleiros andantes... E eu sou o Macho dominante desde Arosa ate ao Taboadelo!!!

Monday, April 17, 2006

 

Todas as pessoas inteligentes estão cheias de dúvidas

Tropeçar em trampa burocrática é inóspito e desagradável. Todavia limpar uma mesa toda ela repleta de toneladas de burocracia gera senão mais e mais pilhas emergentes de burocratia. A burocracia gera burocracia. Accionem se os orgãos e seja criado o pelouro burocrático vigente da cultura e do desporto.
Saudações a todos\as os\as Camaradas.
Viva o OP!

Quem afronta, enfrenta! No entanto, quem acusa por devaneio diz muita merda pelo meio... A rima é talvez fácil mas conseguir a atenção do leitor faz àrduo o trabalho do criador. Manifestem-se PORRA! Sois todos sucedâneos?!

Camaradas, fazei.

Wednesday, April 12, 2006

 

Vamos lá instalar a burocracia para a máquina burocrática já instalada

Camaradas,

É urgente começarmos a instalar a burocracia para a estrutura já instalada. Existem neste momento orgãos e um poder estável para avançarmos na concretização do PREBUROCU. Mas pelos vistos falta entusiasmo a alguns.

Pôrra pah!!!! Será que a comissão não consegue nomear um novo membro? E a nova comissão será que não consegue pôr um novo processo disciplinar a andar? Os factos estão por ai e em todo o lado!!!!!

Será que não há um super-homem nestes orgãos? Será que não há ninguém com ganas de invadir a Polónia e a Ucrânia? Alguém que esteja disposto a sacrificar a sua história pela história de O Partido? Pôrra pah!!! Organizem-se e ajudem a alimentar com burocracia a crescente máquina burocrática.

De forma a mudar os estado das coisas decido que ambas as comissões têm uma semana para nomear o novo membro do Politburo, no caso da CRPI, e apresentar um relatório do historial disciplinar nos últimos três meses no partido, no caso da CEDP. Em caso de não cumprimento destes prazos a CEDP e os seus membros enfrentaram um processo de averiguações que pode levar à dissolução da comissão. No caso de não cumprimento do prazo por parte da CRPI eu próprio nomearei um membro do Comité Central para integrar a comissão, sendo que os seus membros serão alvo de um processo de averiguações para determinar as causas do sucedido.

A Camarada Secretária do Politburo, Camarada Claude, deverá no prazo de uma semana entregar um plano de trabalhos para o politburo com agendamento de votações e discussões. O Camarada 2º Secretário do Secretariado do Comité Central, Camarada Sai-Babá, fica a partir deste momento responsável pela ligação entre o Comité Central e o Politburo, recolhendo propostas dos membros do Comité Central para posterior análise, discussão e votação no Politburo.

Urge-se a todos os membros do OP que participem apresentando propostas para melhorar o partido. Não podemos crescer apenas em quantidade, temos também de crescer em qualidade. Temos que aproveitar o momento e dedicarmo-nos mais à prosa em vez da poesia. Deixemos os poetas para os socialistas!!! Pôrra nós somos burocráticos. Defendemos o burocrata e a burocracia!!!!!

Viva o OP camaradas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

O Secretário Geral do Secretariado do Comité Central de O Partido

 

Random Facts about Enola

Inspirado em Random Facts about Chuck Norris e em Random Facts about Rogério.

Enola não é burocrático, a burocracia é que é Enolocrática.

A primeira vez que Enola jogou Scrable, nasceram Os Lusíadas. Camões roubou-lhe a autoria e Enola arrancou-lhe o olho com o indicador e o médio. De seguida deu-lhe 5 tostões para o desgracado poder comprar uma pala.

Vasco da Gama não descobriu o caminho marítimo para a Índia. Enola desenhou-lhe um croqui.

O 11 de Setembro não foi um ataque terrorista. Enola perdeu o controlo nesse dia enquanto brincava com aviões de papel na costa portuguesa.

A última vez que Enola jogou matraquilhos a Grécia ganhou a Taca Europeia.

Há alguns anos atrás Enola brincava no mar em carcavelos, descuidou-se e deu um pum. De seguida um maremoto arrasou a baixa Lisboeta.

Enola não é poeta. Ele escreve, as palavras organizam-se em rimas para lhe demostrarem vassalagem.

Há uns tempos Enola jogava xadrez, ao gritar xeque-mate nasceu a República Portuguesa.

Não existe nada que atenda pelo o nome de Grito Ipiranga. É só Enola a cantar.

David não é uma estátua de Miguel Angelo. David era na realidade amigo de Enola. Num dia de sol nadavam ambos nus no lago e a dada altura ao ver uma cobra de água, Enola gritou David pára. O resto da história vocês já sabem.

Não foi o Sol que derreteu a as asas de Ícaro. Adivinhem quem?

Einstein descobriu a fórmula E=mc2 no mesmo dia que Enola trocou com ele uma afamada receita de Bacalhau à Zé do Pipo. Coincidência!! Não me parece.

Ao dar-se conta que a Terra girava em torno do Sol, Copérnico olhou para o rei sol como quem olha para a grande descoberta da humanidade. Lá de cima, com a carinha bem centrada no astro rei, tal qual sol de teletubies, Enola sorria a Copérnico.


Tuesday, April 11, 2006

 

Ode a burocracia

Felpuda e indigente não deixa ninguem indiferente; a Burocracia esvazia a caraça que alguns põe perante uma ameaça... Temos de amá-la, venerá-la, implementá –la, mas nunca eliminá-la...

A burocracia é a coisa principal; adquire pois a sabedoriada burocracia, emprega tudo o que possues na aquisiçäo de entendimento de uma nova realidade!!! chamai a atenção dos camaradas para estas novas palavras!!

Para mim ela é Sacra pois não me deixa de ressaca, sou burocrático não me sinto práctico mas quase apático, deixem que lhes diga que não me causa fadiga quando apelo à Burocracia sempre que ela me acaricia...

Zombar ate mais não meus caros, a buro é magna pois é... é como um camprison de laranja, como um tomate de condeixa ou como rebuçados da regua!!!

Abrir um processo impede o retrocesso, mas não me vetem o acesso ou fico possesso... Quando vejo a papelada a crescer sinto-me quase a nascer, só para poder carimbar até tenho de mendigar... ò Burocracia não me deixes em tormento pois quase me sinto um Jumento...

Quem me dera que tivesse encontrado o caminho mais cedo... não desperdiçais tempo em coisas banais camaradas!!! um jogo de croquet? uma sangria espanhola? um caramelo de badajós? pobre de nós q não somos iluminados pela burocracia não é assim caro Epitah?

Alguns querem por-me uma chancela impressionante pois pensam que não passo de um tratante, assim não o é meus camaradas, pois Só sou Rei porque sei, que para amar a Burocracia nunca será com Democracia nem com Pedagogia ou mesmo com Demagogia...

Gosto de pensar que as coisas mais fofas vêm do que mais me convém!! Ben voila ici c Marcia et moi, C étai a la soirée de gym!!

On s'est bien amusé mm si ta pa pu faire la soirée T es kkun de génial! On samuse bien a la gym mm si des fois on est enervé,.. mai bon on enervé ensemble alors ça va!!

Que belas sao as palavras que me saem, dum romantismo quase lirico... que fofura!!!!

Sou o Rei d’O Partido não por o merecer mas para vos fazer crer que para se ser Burocrático nunca se pode ser errático, quando lanço um carimbo estou no limbo, sou o Rei e não sou uma Ténia por isso façam-me apenas uma vénia!!!

Mas não se preocupem, as familias a Sul de Condeixa já podem rapar as axilas, o Epitah ja não tem catarro de formiga... até a pala de batata ja fala!!! dexem-me criar burocracia, Para o Bem é o melhor!!!

Um grande bem haja!!


 

Camarada Pala Pala apresenta-se às hostes

Caros Camaradas. Talvez ainda não me conhecam muito bem , mas eu apresento-me. Pala Pala, burocrata convicta que vive rodeada de asquerosa inovacão.

A minha vida é muito complicada camaradas, eu sofro muito enquanto espiã do norte. Como pode camaradas, uma burocrata convicta sobreviver impune num país onde não há um atraso de transportes públicos, onde não há o mínimo de atraso em hospitais, onde somos realmente atendidos na funcão pública. Como posso eu camaradas apresentar desculpas convincentes perante um atraso no trabalho se todos neste antro sabem que os autocarros não atrasam?

É uma injustica... é uma vergonha ter que viver nun país onde o único problema burocrático surge sempre desta máquina infernal que com certeza, algum camarada burocrático, em nome da burocracia, criou tal qual cavalo de tróia e a enviou para o seio da inovacão. É uma vergonha só poder contar aqui com um computador para me ajudar nos trabalhos burocráticos, que aí, nesse paraíso à beira mar plantado, são tão amados e tão bem conseguidos. Ó Pátria mãe, Ó meu Portugal.

Camaradas. Venho por este meio agradecer por me acolherem no seio da burocracia. Quero que saibam que podem contar comigo em qualquer tipo de processo burocrático. Podem contar com o meu voto ou abstinência em qualquer tipo de votacão. Podem camaradas contar comigo para os trabalhos árduos, duros e complicados que têm que ser feitos em nome da não mudanca, do atraso, do fim das florestas nacionais. Na luta pela burocracia eu sou mais uma arma pronta para fazer o que for preciso para que nada aconteca.

VIVA O PARTIDO. VIVA OS SECRETÁRIOS. VIVA.

Sunday, April 09, 2006

 

Retomar a burocracia - O Apelo

Camaradas,
é com muito orgulho que recebo a nomeação do nosso querido Secretário-Geral de secretária do Politburo. Estou consciente que esta será uma tarefa fundamental no funcionamento do nosso querido Partido e espero estar à altura desta responsabilidade.
Queria começar por fazer um apelo ao nosso querido Presidente da COmissão de Reeducação Ideológica e Propaganda Camarada Busílis para que nomeie um representante no Politburo para este ficar completo e podermos proceder à tomada de posse dos membros deste órgão fundamental para o avanço da burocracia. Só depois disto podemos dar ínicio aos trabalhos.
Mesmo assim, quero aqui deixar na mente dos futuros membros do Politburo a necessidade de elaborarmos um conjunto de normas e procedimentos de funcionamento do nosso órgão magno. Para isso proponho a todos os membros do politburo que pensem num conjunto de regras de funcionamento e apresentem as suas propostas no nosso blog. Estas serão depois discutidas e votadas na reunião do Politburo a seguir à reunião de tomada de posse de todos os membros. Só depois de estes procedimentos estarem definidos é que poderemos retomar o processo burocrático a todo o gás.
Ninguém pára a burocracia, ninguém pára a burocracia!!!
Viva o nosso querido Secretário-Geral Camarada Pequenito Balariu!!!!
Viva o nosso querido Primeiro Secretário Camarada Atum!!!!
Viva o nosso querido Presidente da Comissão de Reeducação Ideológica e Propaganda Camarada Busílis!!!!
Viva o OP!!!! OP!!!! OP!!! OP!!!

Thursday, April 06, 2006

 

Pegar pelos Cornos


Camaradas,

Quero congratular o regresso a O Partido do nosso Secretário Geral, a meu ver quer me parecer que voltou imponente e com vontade de fazer crescer este projecto, o que a ser verdade deverá dar mais alento a todos nós seus camaradas...
Se o propósito é o de por a maquina burocratica a trabalhar em pleno, axo que será muito bem vindo o seu regresso...

Quero porém deixar claro que como havia referido anteriormente a travagem no processo foi tal, que julgo que o afastamento de camaradas é algo praticamente irreversivel, no entanto tenho que apontar que é fundamental criar mais interacção entre os vários sectores.

No seguimento desta ideia quero sugerir que para começar seja obrigatório a todos os membros do Secretariado e também do politburo, prestarem individualmente declarações publicas quinzenais do seu contributo para o desenvolvimento do OP, pois considero inadmissivel que existam tantos camaradas residentes no secretariado, dos quais o resto dos camaradas não faz nem ideia o que estes estão la a fazer...
Como é possivel ambicionarmos desenvolver processos burocraticos interminaveis, quando camaradas com cargos importantes não demonstram a sua participação????

A minha ideia, que remeto a consideração do nosso sec. Geral é a de que se estes continuarem sem contribuir para o desenvolvimento do OP sejam alvo de processo disciplinar kafkiano para uma possivel destituição do respectivo cargo ( e refiro me a contribuições no minimo quinzenais), o mesmo para a CRPI ( a qual parece ter sido totalmente remetida ao abandono...)

Por ultimo queria referir que como parece notório as nossas brigadas de contacto estão totalmente inactivas, o que se por um lado pode ser extremamente positivo, porque sugere que o ser encarregue de as liderar pode ter sido carbonizado numa fogueira pública a par das bruxas da terreola onde ele morava; (e com isso me alegro pois esse traste não andava cá a fazer nada), por outro lado e a não ser verdade esta minha fantasia e se esse miseravel Atum se encontar ainda a respirar, sugiro que seja obrigado também a justificar-se publicamente o porquê de não ser visivel a expansão do OP no que diz respeito a novas filiações...

Viva o OP! Viava a Camaradagem!

Tuesday, April 04, 2006

 

Veni Vidi vici!!!!!!!

Caros Camaradas,

Depois do meu retiro para batalhas externas reparo no meu regresso que as coisas não estão completamente bem.

Em primeiro lugar queria deixar uma palavra aos camaradas que genuinamente quiseram manter alguma ordem burocrática. Quero especialmente agradecer ao camarada 1º secretario do secretariado por ter desempenhado da melhor forma possivel o seu papel de substituto durante minha ausência.

Em segundo lugar queria dizer-vos que o meu regreso hoje obrigou a alguma reflexão sobre o futuro do OP. Sinto que o PREBUROCU ainda não pode passar à sua fase revolucionária. Sinto que tenho de exercer novamente o meu papel de senatorius maximus do politburo e voltar a implementar uma via despótica no PREBUROCU até à concretização dos orgãos e normas de O Partido.

Aqui pelo meio queria fazer uns pedidos a alguns camaradas no geral e outros em particular. Gostava que o os camaradas da comissão e especialmente o seu presidente nomeassem o seu último membro para o politburo. Considero neste momento que são livres de escolher qualquer camarada do Comité Central mas desde já reservo o meu direito de veto. Este assunto também não será discutido no Politburo e no Comité Central. Peço também aos camaradas da comissão que iniciem a elaboração do Livro do camarada sem mais demoras. A todos os camaradas sujeitos a processos disciplinares sugiro que respondam o mais rapidamente possivel às notificações do secretariado e acatem a nomenclatura vigente.

Em quarto lugar queria deixar umas palavras em especial para dois camaradas:

- Camarada Ás-Sopro desencantei aqui em casa uma fotografia de mim no jardim. Sinto que esta é a forma correcta de o camarada me vêr a partir de agora. De baixo para cima e com uma completa noção da minha estatura burocrática. Deixo-lhe aqui um pequeno filme de reeducação em que coloco uma máscara para o camarada conseguir interagir no meio de tanta megalomania visual e conseguir perceber ao mesmo tempo certas coisas.

- Camarada Enola GAY já devia saber qual a diferença entre um rei e um senador máximo. Um rei emana o seu poder de Deus ou de algo transcendente, um senador máximo emana o seu poder da lei e da burocracia. Como tal decreto que o camarada passe a ser o bobo da corte do partido (já que gosta tanto de cortes e afins). Decreto também que o camarada nos entretenha a todos apenas uma vez por semana nos próximos tempos, pois sinto que o estilo do camarada ainda necessita de alguma reeducação. Esse trabalho deverá ser efectuado pela comissão o mais rapidamente possivel (dura lex sed lex camarada).

Por último nomeio a camarada claude para secretária do politburo, passando a partir deste momento a ser responsável por todos os actos procedimentais neste orgão. Isto inclui o agendamento dos trabalhos, discussões e votações. A organização da mesa e registo de todos os actos. Assegurar a ligação burocrática entre os membros do Comité Central e do Politburo, recebendo propostas e organizando os trabalhos. Nomeio também uma Comissão Especial Disciplinar do Politburo para investigar e apresentar conclusões acerca de todos os actos disciplinares relevantes da história recente de O Partido. Isto inclui os actos disciplinares em curso e aqueles que necessitem de averiguação. Todos os camaradas devem reportar qualquer situação anómala a esta comissão. A comissão deverá levantar todos os inquéritos que achar relevantes para análise do politburo. Esta comissão terá um membro de cada orgão de O Partido e ficará sobre minha supervisão especial. A comissão será composta pelos Camaradas Atum, Ás-Sopro e Busilis. A comissão deverá começar os seus inquéritos o mais rapidamente possivel, deliberando propostas de acusação e penalizações para votação no politburo.

Viva o OP Camaradas!!!!!!!!

O Secretário Geral do Secretariado do Comité Central

Monday, April 03, 2006

 

Aviso ao camarada Enolagay, klaus dance disco!!!

Camarada enola, venho por este meio informa-lo q foi aberto um processo disciplinar kafkiano contra a sua pessoa!! A sua atitude perante os seus camaradas é injustificavel!!!
Voce camarada é a escória deste partido!!! Voce n vale um chavelho!! para si o codigo de conduta do bom camarada só deve servir para limpar o trasero n é camarada?! Sabe q eu tenho o poder de o esmagar... sabe q voce pode ser eliminado? voce n brinque com o secretariado!!! Peço ao politburo q se reuna e transmita o castigo q vai ser aplicado a este fedelho!!! Perante a gravidade das suas afirmaçoes só ha uma coisa a fazer... criar o maior processo burocratico q há memoria neste partido!!! voce enola va ser castigado... só falta saber de q forma!!!
A unica maneira de atenuar o seu castigo caro enola é simples... voce tem de ir a este site: http://folk.uio.no/tsandvik/fun/learn_disco.mpg e aprender os ensinamentos do grande bobo burocratico Klaus!!

 

Gato Maltês ... Outra Vez

Meus Caros Súbditos,

é realmente incrível como existem entre vós seres tão desrespeitadores e com tão pouco alcance, como têm demonstrado ser essa tal criatura conhecida como Epitaph e a doce mas insubordinada camarada Claude, é uma pena que insistam em não respeitar a mais que evidente soberania absoluta deste Deus terrestre...

Aos dois tenho apenas que confessar -lhes que tentei resistir a punir vos desta maneira, mas o Gato Maltês tanto insistiu que acabei por não resisistir em informar-vos :

Abelhinha, abelhinha
Toma lá a tua mosquinha
Zurra, zurra, pica na burra
Come, come, se tens fome

Acabou-se a papa doce
Acabou-se a papa doce
Quem comeu arregalou-se


O Gato Maltês pede ainda aos subditos que se dediquem ao Máximo à Burocracia e não contraponham os comunicados Reais...

pois já sabem:

Ninguém Imola o Enola !!!! pois nada supera esta carola!!!!

Saturday, April 01, 2006

 

A duquesa lava o artola com champagne borbulhante

Comeco por me dirigir ao camarada as-sopro. Quanto aos detalhes do seu nome pode fazer a queixa no lugar para tal, nenhures. O erro foi completamente espontaneo, isto e, sucede. Quanto a presenca do seu nome no meu ultimo post esta foi claramente justificada. Percebo muito bem que nao queira a sua imagem ligada ao camarada enola e agradeco o apoio demonstrado mas o camarada tambem tem que admitir (como eu posso admitir acerca de mim proprio) que a sua participacao tem sido tudo menos consesual. Aceito perfeitamente que tenha sempre feito aquilo que julga ter sido o melhor para O Partido mas isso nao serve de justificacao ou argumento a nenhuma causa, de boas intencoes esta o inferno cheio. O seu nome foi sobretudo utilizado num sentido de chalaca, nao para denegrir a sua imagem, mas de modo representativo daquilo que voce tem sido muitas vezes n'O Partido (e sabe que assim e verdade), um divisor de camaradas.

Quanto ao restante rebulico posso dizer que e mero copy/paste do que temos visto ultimamente.
Assim repito o que disse anteriormente (o camarada artola le muito pouco para quem gosta de espirrar canivetes), a nomenclatura esta ca para ser usada e nao o sendo esta sujeita a processo. Processo o qual e demonstrativo do verdadeiro poder burocratico d'O Partido. Ora a ultima coisa que deve acontecer e o desperdicio de um processo burocratico, o que o camarada claramente nao percebeu e e visivel nos seus comentarios, logo o processo deve ser posto em movimento. E a valoracao da burocracia pela burocracia. alem do mais foi O Partido que assim determinou o meu nome e nao o contrario.

Sublime e uma garrafa de rum do bloco de leste e nao o camarada enola.
Real opiniao e uma coisa que o senhor aqui ainda nao mostrou.
Se quer introduzir excertos de textos e melhor seguir as directivas da Comissão de Reeducação e Propaganda Ideológica, pois acredito que o camarada Busilis lhe pode indicar obras bem mais adequadas que o "Pato a pequim perde a virgindade", de onde parece se inspirar.
Parece-me que, aquando pequeno, faltou ao camarada ouvir uns contos politicos para criancas mas ai a culpa nao e sua.

Cabe-me salutar todos os camaradas presentes que demonstraram a mesma posicao que eu tomo em relacao a este bóbó da corte. E revelador do espirito d'O Partido e representa a unidade de que este e capaz.

Um bem haja burocratico!

This page is powered by Blogger. Isn't yours?